Notícias

Alterar o idioma do Blog

Texto

As matérias mais recentes do Folha de Tucuruí

Últimas matérias do Folha

Publicidade

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Ciro Gomes fala sobre um possível governo Temer

Vejam este vídeo, Ciro Gomes fala sobre o que se pode esperar de um governo Temer, a opinião de quem conhece a administração pública e a política nacional como ninguém.
   

     

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Ministério Público Federal pede explicações ao Prefeito Sancler (PPS)

Publicação de Suely Carvalho no FaceBook
   
Suely Carvalho
    
    
MINISTÉRIO PUBLICO FEDERAL CHAMA O PREFEITO SANCLER PARA PRESTAR INFORMAÇÕES: 04/04/2016
Dr. Luiz Eduardo Smaniotto, Procurado da República do MPF de Tucuruí, quer saber se a prefeitura está regular com a Caixa Econômica Federal.
Dia 04 de Maio de 2016 em ofício encaminhado ao Gestor Municipal ele dá um prazo de 15 dias para comprovar regularidade junto a Caixa Econômica Federal e os convênios de empréstimos consignados feitos pelos funcionários da PMT.
MATÉRIA DO FOLHA DE TUCURUÍ em 11 de JANEIRO DE 2016.
"Prefeito Sancler (PPS) continua se apropriando dos descontos dos empréstimos consignados dos servidores da prefeitura
O Prefeito Sancler (PPS), continua se apropriando dos descontos dos empréstimos consignados dos servidores da Prefeitura, dia 20 de janeiro completa quatro meses que o prefeito não repassa os descontos dos servidores relativos aos empréstimos consignados para a Caixa Econômica Federal.
Irresponsabilidade, crime de apropriação indébita e crime de responsabilidade do Prefeito com a conivência da Direção da Caixa Econômica Federal, que não toma as providências cabíveis para o recebimento dos descontos.
Como se explica que o Prefeito Sancler tenha desobedecido à decisão de um Juiz Federal para pagar as indenizações aos funcionários municipais por apropriação indevida dos descontos dos empréstimos consignados e até agora nada aconteceu?
Com a palavra o MPF e a Justiça Federal.
Uma pergunta que não quer calar: Se o Prefeito fosse petista ou do PMDB, será que ele teria feito um décimo do que já aprontou sem ser afastado do cargo e sem perder o mandato?
Ou será que as irregularidades e crimes contra a administração pública cometidos por um Prefeito do PPS, que é protegido do Governador do PSDB "não vêm ao caso", como diz o Juiz Moro quando se trata de denuncias contra tucanos?"
   
Oficio do MPF
Clique na imagem para ampliar.

Barbosa aplaude decisão de Teori que afastou Eduardo Cunha

       
Do site Brasil 247
       
       
"O ministro Teori acaba de tomar uma das mais extraordinárias e corajosas decisões da história político-judiciária do Brasil", escreveu o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa, pelo Twitter; decisão do ministro Teori Zavascki que determina o afastamento de Cunha do mandato, e portanto da presidência da Câmara, foi elogiada por governistas e oposicionistas nesta quinta-feira, mas críticos do impeachment alertaram para o fato de que ela veio tarde demais; Barbosa disse ainda que há questões que o "incomodam profundamente no atual processo de impeachment" e apontou "possíveis consequências", sem, porém, especificá-las; ele voltou a dizer que "o Brasil não é uma republiqueta qualquer". Leia a matéria completa.
        
Nota do Folha: segundo o STF Eduardo Cunha não tem condições de presidir o legislativo, mas a pergunta que não quer calar: E o Temer acusado de corrupção nop Porto de Santos, citado na Lava Jato e agora um Ficha Suja com direitos políticos cassados por oito anos pelo TRE da São Paulo tem condições de ser Presidente do Brasil???
      

Nova delação contra Aécio Neves, já são 7 delações que citam o tucano queridinho do judiciário


Matéria do site: Brasil 247


Alvo de dois pedidos de investigação pela procuradoria-geral da República, um por propinas em Furnas e outro por uma operação para abafar o mensalão tucano, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) será alvo de outra delação premiada: a do executivo José Adelmário Pinheiro, ex-presidente da OAS; ele o acusa de receber propinas nas obras da Cidade Administrativa, em Minas Gerais; "O senador Aécio Neves desconhece a existência de declaração do senhor Leo Pinheiro que se refiram a ele. 
               
Se de fato houve tal declaração, o senador a repudia com veemência", diz nota do senador, que se associou ao deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para promover um golpe parlamentar no País, após ser derrotado na disputa presidencial de 2014. Vejam a matéria completa.
     

Amnésia seletiva...