Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Tucuruí tem um novo Prefeito e um novo Governo, a vida continua...

Aratur Brito Prefeito de Tucuruí
Existe hoje muita especulação nos bastidores políticos e nas redes sociais quanto a composição do novo governo da Prefeitura de Tucuruí, muitos estão tentando adivinhar quais serão as mudanças no Governo Artur Brito, outros acham que não haverá, ou pelo menos não deveria haver nenhuma mudança e pensam que o Governo é o mesmo.
                
Vejam bem, hoje Tucuruí tem um novo Prefeito com personalidade e ideias próprias como é óbvio, então temos de fato um novo governo, apesar de ser o mesmo grupo e os mesmos partidos políticos que estão no poder. Artur Brito tem legitimidade para governar Tucuruí e deve exercer este governo de acordo com o seu modo de pensar,  agir e administrar como qualquer outro governante. 
Na campanha para prefeito, Jones e Artur assumiram em conjunto vários compromissos com a população de Tucuruí e fizeram um programa de governo, compromissos e programa este que devem ser honrados, no entanto, a forma e como estes projetos e compromissos devem ser implementados e os projetos devem ser executados é responsabilidade pessoal do Prefeito.
              
Artur tem o compromisso de honrar o compromisso e o projeto que venceu as eleições e que também é dele, no entanto ele não tem o compromisso de imitar o Jones. Aliás, seria injusto e irreal esperar que o Artur se torne um clone do Jones, o compromisso politico/administrativo dos dois é o mesmo, mas a forma de governar é pessoal, ainda mais que e a partir de agora tanto o bônus pelos acertos, assim como os ônus pelos erros cometidos serão exclusivamente do Prefeito Artur Brito.
                 
Apesar de que todos hoje na administração municipal sejam de um mesmo grupo politico, a escolha dos ocupantes dos cargos de confiança é pessoal e compete somente ao Prefeito Municipal. Claro que os partidos da base que fazem parte do governo tem o direito de indicar nomes para cargos de confiança, nenhum prefeito e nenhum partido politico governa sozinho, no entanto as indicações devem ser aprovadas pelo Prefeito, e se for o caso, se esta indicação não preencher os requisitos da nova administração os partidos indicam outro nome.
          
O início da administração Jones foi complicado, pois as finanças da PMT estavam desorganizadas e as dívidas e os problemas se acumulavam, Jones também teve que administrar a PMT por algum tempo com adversários políticos em cargos de confiança e em cargos estratégicos, o que ocasionou uma série de problemas, o problema de conviver com adversários em cargos de confiança são as sabotagens que acontecem de dentro do próprio governo. 
No caso o Artur tem a vantagem de que os cargos estratégicos estão sendo ocupados por pessoas do próprio grupo, então as mudanças na administração, se houver, não são urgentes, ainda tem a questão de que o Jones havia conseguido controlar as finanças da PMT e começava a tocar os projetos, como por exemplo, projetos de infraestrutura como asfaltamento de bairros da periferia e tantos outros, assim Artur pode dar continuidade a estes projetos já iniciados e iniciar outros que considera prioritários
                   
Que haverá mudanças não existe dúvida, elas já estão ocorrendo, resta saber quais e quando serão feitas estas mudanças, já que mudanças em uma administração pública séria demanda planejamento cuidadoso, que por sua vez leva tempo,  ninguém estava preparado para o que aconteceu, esta mudança súbita e inesperada no Governo Municipal é diferente de uma eleição Municipal ou diferente de uma cassação de mandato, em que todos sabem que pode haver a troca de poder e uma reorganização administrativa na Prefeitura, neste caso seria possível um planejamento antecipando para a mudança.
            
Mudanças administrativas na PMT já estão ocorrendo normalmente já que alguns Secretários pediram exoneração do cargo, pois sabem que seus cargos são escolha pessoal e de conveniência administrativa do novo Prefeito, isso é normal e esperado. Algumas Secretarias e cargos, normalmente pela sua importância estratégia não são preenchidos por indicação política, e sim por escolha pessoal do Prefeito, como é o caso da Secretaria de Finanças e Ação Social, outras duas Secretarias também são estratégicas, até por terem recursos e contabilidade próprios, como é o caso da Saúde e Educação, no entanto a administração destas últimas podem ser negociadas politicamente, mas Finanças e Ação Social seria uma temeridade e um risco muito grande para o Prefeito abrir mão de nomear pessoas de sua estrita confiança para estas duas pastas. 
                
Pelo que sabemos o Prefeito se reuniu com os Secretários e teria dito que não haverá mudanças no Secretariado, até porque em sua maioria foram indicações dos partidos da base aliada e de apoiadores, acreditamos que pelo menos em curto ou médio prazo grandes mudanças provavelmente não vão acontecer, houve o pedido de exoneração de uns quatro Secretários, uns devem sair brevemente e outros devem esperar a indicação de novos Secretários e a transição.
                  
No mais a Administração Municipal está funcionando normalmente, o pagamento dos servidores está em dia e a vida não pode parar e continua.
           

Desejamos uma boa sorte e uma boa administração ao Prefeito Artur Brito, que Deus o abençoe e abençoe a nossa população e a nossa querida Tucuruí.
               

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!