Tucurui

Tucurui

Notícias

Alterar o idioma do Blog

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Se você se entregar e o mal vencer a culpa é sua!!!

A justiça trás o equilíbrio e a paz, não há felicidade sem paz. O sangue dos justos clama por justiça.
É fato que a guerra só termina quando um dos lados se rende, sendo assim não importa quantas batalhas vença o mal, ele só terá uma vitória definitiva se o bem se resignar e aceitar a derrota, assim a vitória do mal depende exclusivamente da indiferença e da covardia dos bons. É fato que a vitória do mal causa indignação, um sentimento de impotência que afeta a nossa fé, nos faz duvidar de nós mesmos, nos faz perder a fé na humanidade e até mesmo a fé em Deus, se você sente isso diante da vitória do mal, não há nada de errado, você é simplesmente humano.
           
Mas Deus é justo e conhece a nossa alma, assim não nos pede que não fiquemos tristes ou que não nos indignemos como o mal, também não exige que permaneçamos indiferentes diante da crueldade e da perversidade, só um psicopata que não tem qualquer sentimento de justiça e de empatia pelo próximo poderia ficar indiferente diante de uma injustiça e de uma perversidade praticada contra um ser humano, ainda mais se esta perversidade for praticada contra uma pessoa indefesa. Deus só nos pede que a cada derrota nos levantemos novamente, curemos nossas feridas, sequemos nossas lágrimas e de cabeça erguida voltemos à luta. O guerreiro que tombar durante a batalha, volta para o verdadeiro lar e de cabeça erguida para o lado do seu criador com a certeza do dever cumprido e de ter feito o bom combate. O que você deseja sentir em seu leito de morte, serenidade e confiança dos justos ou o medo e culpa do criminoso?
              
Os guerreiros da luz que permanecerem no campo de batalha deste mundo, tem o dever de defender a bandeira do bem e de honrar aqueles que tombaram antes dele, lutando persistentemente com coragem e bravura, pois não há glória sem luta, o guerreiro do bem é um herói, pois além de lutar contra as forças do mal, tem de enfrentar o inimigo mais formidável e o mais poderoso de todos, o guerreiro da luz tem de enfrentar, e vencer a si mesmo, controlar a sua mente e os seus instintos animais adquirindo a serenidade, vencer a si mesmo é a maior vitória que um homem pode almejar nesta vida, não ha nada mais difícil, se existe um propósito na vida, certamente este propósito é o controle e o domínio dos instintos e a conquista da serenidade e da paz interior, e com a paz a verdadeira felicidade. Não existe paz sem equilíbrio e não existe felicidade sem paz.
                 
O MAL SÓ VENCE QUANTO OS BONS DESISTEM DE LUTAR. 
            
O mal tem a riqueza, a força e o poder o que não é pouco eu reconheço, além do mal ser mais forte fazer e seguir o mal é muito mais fácil (a porta larga lembram?), para ser mau basta seguir os instintos primitivos, nada mais simples de se fazer, qualquer animal faz isso, até as amebas, mas mesmo tantas vantagens não são suficientes para uma vitória definitiva do mal, pois o bem tem o tempo e as Leis Universais ao seu favor, já o mal está destinado a ser destruído, não por vontade divina, pois Deus não deseja o mal para nenhum filho e nem é preciso, o mal por natureza é autodestrutivo, pois o mal o desequilibra e nada que está em desiquilíbrio e por isso mesmo instável se mantém inteiro por muito tempo. Todas as más atitudes e maus sentimentos levam o homem ao desequilíbrio psíquico, que por sua vez reflete no corpo físico causando vários distúrbios mentais e doenças físicas, isso não é apenas uma questão de fé, o mal que o desequilíbrio e das emoções negativas causam estão demonstrados cientificamente. 
                   
O universo trabalha para manter o equilíbrio, pois esta é uma Lei Universal, sem equilíbrio nem o universo subsiste, assim o universo tende a atuar para extinguir todas as causas de desiquilíbrio, assim o mal trás em seu próprio interior a semente da sua destruição, Deus não precisa punir o mal, ele por si mesmo se destrói e quanto maior o mal, maior a sua ruína.Quanto maior o mal mais feio e grotesco se torna até que ultrapassa todos os limites e é estruído ou se destrói, além do mais o mal atrai outros males piores que ele, e sem a proteção da Lei e do merecimento sucumbe prevalecendo a Lei da semeadura. É comum os bandidos se matarem na partilha do roubo, tornando um pesadelo mortal o que seria um momento de alegria por um crime aparentemente bem sucedido, neste saco a justiça se faz de forma automática e autônoma.
                
Mas é preciso que os bons defendam a Lei e a sociedade, para que os mais fracos, os inocentes e os indefesos não sejam iludidos, fascinados e assim percam o seu livre arbítrio, sendo arrastados para o mal, a luta e a resistência dos bons restabelece o equilíbrio e dá ao ser humano a chance de exercer o seu livre arbítrio e fazer livremente as suas escolhas, portanto a luta do bem é em defesa da liberdade e pela paz.
                
O DESEQUILÍBRIO E OS SENTIMENTOS NEGATIVOS CAUSAM DOENÇAS MENTAIS E FÍSICAS.
                   
Sentimentos doentios como rancor, ódio, inveja, ciúme podem gerar enfermidades no corpo, muitas delas bem graves.
               
O rancor e o ódio são os sentimentos mais lembrados quando se fala em doenças psicossomáticas. Vejam a lista de doenças que eles podem ocasionar:

·                     
1.      Doenças cardiovasculares: hipertensão, angina, taquicardia
2.      Doenças gastrointestinais: gastrite, úlcera, síndrome do intestino irritável
3.      Doenças respiratórias: asma, bronquite e outras
4.      Doenças dermatológicas: herpes, urticária, enfisema
5.      Doenças do sistema nervoso: enxaqueca, vertigens e outras
6.      Doenças endocrinológicas e metabólicas: obesidade, diabetes
7.      Doenças das articulações: tendinite, artrite e outras
8.      Dores e tensões musculares
9.      Doenças infecciosas
10.  Doenças autoimunes
11.  Câncer
12. Também pode ocasionar transtornos mentais e comportamentais.
               
A escolha é sempre nossa, mas lembre que nada dura para sempre, mais cedo ou mais tarde todos teremos que fazer uma escolha, lembrando que TODAS as escolhas tem CONSEQUÊNCIAS boas ou más.
          
Equipe Folha.
      

Nenhum comentário:

Postar um comentário

IMPORTANTE: Comentários contendo ofensas pessoais, palavrões, denuncias sem provas, ou afirmações negativas baseadas em “opiniões” ou suposições, tendo como objetivo perseguições pessoais ou politico partidárias, contra pessoas e/ou instituições, e não em FATOS concretos que se possa comprovar, serão moderados ou excluídos a critério da Equipe Folha. Evite também escrever em caixa alta (Letra maiúscula).

Agradecemos pela sua participação.

Um grande abraço!!!